NÃO É O FIM, É UMA TRANSIÇÃO

(não é um fim,é uma transição)

Estamos em plena fratura espaço temporal desde o último dia 21 de dezembro de 2013.

Agora, nas próximas horas, nos encontraremos em ascendente para a transformação de realidades.

Por isso há tanto esgotamento, tanta fricção entre egos e tantas dores musculares e nas costas, sobretudo lombares.

Entramos em tempo esférico, depende de vocês flutuar em paz ou em harmonia.

Nos próximos dias e, sobretudo, nas próximas horas até o auge do dia 5 a 6 de janeiro de 2014, o cometa ISON, como vocês o chamam, acelera as máscaras sociais, e se veem mais do que nunca o tipo de relações que vocês mantêm; assim que é normal que sofram mais de um desapego, mais de uma transformação social.

Se em um espaço há mais de uma densidade vibracional (em seu mundo, alguém que tem paz, com alguém com medo da perda, outro zeloso e outro triste – é só um exemplo) é muito provável que se somatizem a nível de plexo solar, sobretudo as faltas contínuas de respeito à sua pessoa ou aos entes queridos… por isso, observem seu corpo, não peçam sinais de luz ou escuridão, mas só seu próprio corpo físico.

Vocês estão muito esgotados pela sua mudança física de DNA, que realizam a cada decisão, cada tomada de consciência, por isso, nestes dias, escutem a seu corpo, repousem e integrem as energias entrantes da melhor forma possível.

Ao que nos referimos a uma fratura espaço temporal… a que as duas realidades coexistentes nestes tempos passados, a 3D/4D, 5D, já se separam ao máximo, já não se entrelaçam; ao contrário, quase nem entenderemos aos demais quando falam.

É Gaia que sobe em energia e são vocês que se adaptam a esse trânsito.

Esse trânsito tão esperado é bem agora, é bem nestes dias até maio de 2014.

Já não é hora de transformar ninguém, mas sim, é hora de se transformar.

Aceitem estes dias de aparente vazio e recordem que na natureza o vazio é um espaço de crescimento e germinação em silêncio.

Respeitem seus momentos de criatividade e não misturem energias em suas casas.

Dentro do possível, aprendam a eliminar coisas e a renovar somente o que realmente amam, pois há uma grande fuga de energia no que se espera de um ser… sobretudo a cólera silenciosa de que vocês não estão conscientes…

Amem a si mesmos em equilíbrio e respeito; somente assim seu trabalho será realmente um trabalho de luz.

E trabalhem com seus campos eletromagnéticos agora mais do que nunca.

Nutram-nos com respiração, com a energia ki, chi, ioga. Desses mesmos campos nutram-se para receber a energia entrante e reconstruir sua capacidade de dar e receber.

Um abraço desde o Sol de Alcyon
Melquisedeque.

Elsa

Fonte: http://ascensionalquimicageometrica.blogspot.com.es/
Tradução: Blog SINTESE http://blogsintese.blogspot.com/

http://blogsintese.blogspot.com.br/2014/01/melquisedeque-fratura-espaco-temporal.html