10257849_650540841648913_6668541080359310000_n

…Neste terceiro portal 7-7-7 a Terra nos convida para participar de sua frequência de luz com a nossa própria vibração porque de nosso ser em harmonia se nutrem todos os campos de energia, todos os planos de consciência e todas as dimensões.

Este “verão” (inverno no hemisfério sul) nos convidará a sustentar a luz frente às “maldades” sem entrarmos em julgamento, nem em crítica, nem em raiva.

Simplesmente estar solitário, não em solidão, ser fonte de luz frente ao ruído ou ser bastante coerente como para pôr limite à distorção ou maldade e encerrar etapas e caminhos.

Perguntei o que era pôr limite à maldade, fora do óbvio, claro… ele me disse: ser capaz de verbalizar o que não é harmônico, ser capaz de dizer “seus gritos me prejudicam, eu não mereço” – isso é pôr limite, é fazer refletir, mas não é educar um ser para viver de outra maneira que não deseja viver. Se ele ama gritar, nos afastamos, se tomar consciência ele deixa de gritar e nós permanecemos e surgirá uma nova forma, se era somente dor mal expressada, então esse ser verbalizará sua verdade, sua emoção, que oculta, se manifestava em forma de grito, ou seja, não modificar as pessoas, mas sim dizer como nos sentimos perante certos atos, sistemas e locais, para abrir a consciência.

O terceiro portal 7-7-7, ou seja, o dia 25 de julho de 2014, abre a consciência de compromisso com todos os seres de Gaia e todos os seres planetários universais de ser fiel e coerente em vibração pessoal para somar sabedoria e luz à medida que é recuperada e integrada ao fluxo eletromagnético da Mãe Gaia.

Então é quando essa UNIDADE começará a se consolidar, que a todos faz falta, e removerá esse peso de solidão ancestral que muitos sentem, sobretudo nesta encarnação, essa solidão de estar afastado de si mesmo por tantos éons… e que por fim se consolida a união em unidade.

Por isso, agora é o tempo real de consolidar a unidade em vocês, de não alcançar a vibração e sim de ser vibração de consciência sempre para ser uma frequência de luz, para compartilhar em todos os seus campos e em todos os seus atos, deixar de subir a vibração para ser e integrar a vibração que já são todos os seres universais e que vocês haviam esquecido.

É agora a maior transformação, é individual e é a partir do coração.

Permitam-se mudar.

Um abraço,
Mestre Sananda.
http://blogsintese.blogspot.com.br/2014/06/sananda-transformando-nos-em-frequencia.html