linda-paisagem-natal

Por eras, a humanidade tem sido definida como um conjunto de entidades individuais, realizando o trabalho de sua vida em sofrimento e labuta, desde o nascimento até a morte, para então deixar de existir por completo. Em outras palavras, como os seres humanos têm sido definidos como alguém simplesmente existente entre a primeira e a última respiração e tudo o que vem antes ou mesmo depois disso, é um assunto envolto em mistério.

Seja como for, já conseguiram abrir os olhos para o fato de que a vida humana como costumavam defini-la é simplesmente a ponta de um proverbial iceberg – ou até menos. Agora, começaram a explorar o filão que constitui o verdadeiro você, aquilo que não está confinado nos limites físicos, mas que optaram por definir uma parte de si mesmos como humana.

Vamos explicar. A noção de um tempo limitado de vida, que levou a humanidade quase à beira da extinção na busca de algum tipo de imortalidade, seja através de fama, fortuna ou mesmo infâmia, não é mais um conceito que precisa ser aplicado a nenhum vocês. Viram isso antes, através do faz de conta, quando acreditaram nesta falsidade e, assim, optaram por saírem das sombras de mortalidade e reentrar no mundo da existência eterna.

Pois sabem muito bem que mesmo que, por vezes, o frágil veículo físico que habitam, quando um dia for reduzido a pó, irão sobreviver, do mesmo modo como tem acontecido inúmeras vezes antes. Não é seu corpo e, mesmo que isso seja mais do que evidente para a maioria nesta fase, ainda encontra tempo para questionar este fato, sempre que a referida estrutura física parece limitar a sua capacidade de voar acima dessas limitações definidas que ainda parecem segurá-lo.

Seja como for, irão reaprender a levar uma vida sem limites dentro de uma estrutura física aparentemente delimitada e, como tal, a necessidade de abrir suas asas totalmente novas é algo que será realizado por todos. Como vê, está aprendendo a ignorar a velha voz da razão e, em vez disso, está se lembrando de como ouvir a voz da liberdade, aquelas partes suas irrestritas pelas peças que compõem o seu homólogo humano. E agora, irão aprender a combinar esses dois elementos, aparentemente incompatíveis, num modo muito novo, muito parecido com a mistura do fogo e da água, sem prejuízo para ninguém.

O que você está prestes a fazer é, literalmente, dar esse fabuloso salto quântico, que irá removê-lo de seu antigo posto e deixá-lo definir suas vistas em algo muito, muito mais amplo no escopo, em todos os sentidos da palavra.

Gostaríamos de lembrá-lo que está neste molde humano por uma razão muito boa, de forma que o que estamos nos referindo, não se trata de desaparecer da face da Terra, muito pelo contrario. Se desejarem, ainda estarão por aqui e serem as partes aterradas desta árvore celestial que cresce por todo o caminho, até os céus e além. Pois sem vocês como as raízes, esta magnífica árvore da vida não poderia produzir isso aqui. Novamente, falamos em enigmas, por isso vamos tentar dar uma explicação mais detalhada.

Como muitos já viram, o seu papel como pioneiros é realmente muito mais do que serem os sinalizadores para o resto da humanidade. Serão aqueles capazes de provar que a vida como é conhecida, simplesmente não é o fim de tudo. Também serão aqueles que permitirão esta reviravolta total, atuando como aquelas âncoras anteriormente mencionadas, o “elo perdido” entre o que ainda não pode ser visto pela maioria e todo o potencial que reside aqui neste planeta. São os que tornaram esta conexão segura, os que estabeleceram esse canal de interação entre o seu planeta e o resto da Criação de uma forma que estabeleceu todo esse plano em ação. São os condutos necessários para que todos se unam e, até agora, o que fizeram é de fato nada menos que um milagre, como já dissemos em várias ocasiões.

Mas agora, vocês também começarão a servir de uma forma muito mais complexa, como os arautos de um novo amanhecer, mas também como os portadores da tocha da liberdade. Deixe-nos explicar. Como de costume, usamos palavras sublimes, todavia que não exageram em nada. Pois, de fato, são grandes executores numa operação enorme e complexa que agora mudou para um mecanismo novo e muito mais eficiente. E assim, na medida em que avança, estará reacendendo alguns depósitos profundamente escondidos de impressões energéticas, que irão auxiliar a acelerar imensamente este processo.

Sabemos que isso não será novidade para nenhum de vocês, pois este é realmente um assunto que já abordamos anteriormente. Mas agora gostaríamos de lhe dar alguns exemplos do que farão em seus papéis como portadores neste evento galáctico altamente complexo, envolvendo milhares de seres em muitos níveis de desenvolvimento evolucionário. Plantou suas raízes profundamente no solo do planeta que chama sua de casa e a primeira dessas raízes foram colocadas naquela primeira vez que entrou neste reino, num corpo humano.

Como já dissemos antes, sua história como um ser humano remonta a um longo caminho e, toda vez que retornou para estas paragens, trouxe consigo um novo lote de informações energéticas que foram encapsuladas e escondidas nas camadas mais profundas deste planeta. Isso pode soar um pouco improvável para alguns, todavia lembre-se que nunca estiveram confinados pelos limites físicos de seus corpos. Isso é simplesmente uma invenção da sua imaginação e sempre foi assim.

Por eras, muitos realizaram esta importante parte de seus trabalhos disfarçados e isso inclui suas próprias capacidades de se conectarem conscientemente que, e em primeiro lugar, é a verdadeira razão de estarem aqui. E assim, retornaram muitas vezes, plantando raízes cada vez mais profundamente a todo o momento e em cada vez, aquilo que trouxe, carregava consigo uma parte vital de informação energética, conectadas aquelas que trouxeram antes. E assim, pouco a pouco, porção por porção, esta biblioteca terrestre cresceu numa vasta rede subterrânea de células interligadas adormecidas, prontas para serem utilizadas quando chegasse a hora de serem ativadas.

E agora, estas luzes estão chegando, uma a uma, começando a iluminar uma parte do ambiente que a humanidade ainda tem que descobrir. Mas mesmo que ainda não consiga perceber, sua influência já começou a agir sobre todas suas habilidades para detectá-la, que continuarão a crescer agora numa taxa muito rápida. E assim, seus papéis, na medida em que este hub ou ponto de conexão vital crescer em magnitude, quando forem capazes de acessar todas essas informações anteriormente inativa, em seguida, será guiado de perto sobre como utilizá-las para o benefício de todos.

Estes tesouros não são para ser acumulados, devem ser dispersos por toda parte, de maneira a induzir uma mudança total na vida de todos que entrarem em contato com eles. Não estão aqui em seus benefícios como uma entidade única. Estão aqui para garantir que a vontade coletiva possa se beneficiar disso de uma forma que traga uma grande mudança para toda a humanidade e, assim, o que fizerem como indivíduos únicos terão implicações que irão muito além daquilo que considera hoje como o seu próprio espaço energético individual.

Para já não são bolhas de luz tão pequenas sobre um vasto e escuro oceano. Agora já se fundiram numa enorme e brilhante esfera que abrange todo o seu planeta. E as raízes que plantaram, uma por uma, também cresceram em conjunto para formarem uma única estrutura de suporte energético que levará todos numa uma cesta de ramos flexíveis, embora resistentes de luz.

Então, enquanto andam sobre a Terra, desencadeiam uma verdadeira cascata de faíscas que saem em todas as direções, e que, por sua vez, inflamam novas faíscas, sempre que se deparam com outras partes desta grandiosa rede. E, assim, na medida em que os sinais que viajam na velocidade da luz dentro das passagens em seu cérebro, sua “conversa” iniciada voará ao redor de todo o planeta num ritmo sem precedentes.

E então, todos os dias, definirá cada vez mais dessas reações iluminadas sob seus próprios pés e novas informações estarão sendo ancoradas nessa vasta rede, a partir dos limites externos da Criação através de seu próprio corpo. Por que agirão como os conectores, aqueles que garantirão que a comunicação entre o seu mundo e o resto da Criação seja perfeita, em todos os sentidos da palavra. E mesmo que, às vezes, sente-se pouco revigorado por tudo o que esteja acontecendo e que com essa conversa, de fato, está segurando a conversão de qualquer forma de energia, definitivamente está muito longe disso.

Nesta fase, tornou-se muito realizado nesta forma multinível e altamente dinâmica de comunicação e, agora, tudo o que precisa é aguçar os ouvidos e começar a ouvir mais. Não está “mantido no escuro”, na verdade nunca esteve, embora para garantir a segurança dos indivíduos e, de fato, toda esta operação, foi mantido “inconsciente” na maior parte do tempo, até agora. Agora pode começar a ouvir tanto quanto gostaria, porque, afinal de contas, não só desempenha um papel importante como o canal para toda essa comunicação incessante. Também coloca mais do que seus dois centavos.

Não é simplesmente um mensageiro, também é uma parte da mensagem e, assim, quando começar a gerenciar e entrar em sintonia com tudo isso, ouvirá uma voz muito familiar, a voz do que ser magnífico e multidimensional que é, o verdadeiro você, aquele que pensou que talvez tivesse perdido contato ou esquecido.

Mas agora, chegou o momento de começar a ouvir, para descobrir muito mais sobre suas próprias raízes – em todos os sentidos da palavra, de todas as maneiras.

Canal: Aisha North

http://sementesdasestrelas.blogspot.com.br/2014/08/os-companheiros-constantes-o-manuscrito.html?utm_source=feedburner&utm_medium=email&utm_campaign=Feed:+SementesDasEstrelas+(Sementes+das+Estrelas)