Recebida por Jane Monachesi Ribeiro

 

Amados Filhos,

 

Que as bênçãos do amor tragam paz aos vossos corpos, mentes e corações.

 

Tempo de liberação, tempo de perdão, tempo de reconquistar a liberdade, tempo de consolidar o amor em vossas vidas.

 

O amor não desabrocha nos corações que carregam mágoas, tristezas, dores que não cicatrizaram dada a ausência do perdão.

 

Só perdoa aquele que reconhece que o amor é o único caminho para a conquista da redenção, e o amor emerge quando a compreensão se faz presente, mostrando que tudo tem um porque, eis que tudo que se revela em vossas vidas é resultado de vossos erros e acertos ao longo da jornada.

 

Quando o perdão se faz presente à vida readquire a beleza contida em todas as manifestações de vida, permitindo entender que cada um aí está para cumprir uma missão, e é na diversidade resultante das escolhas de cada um que o divino se revela, e perceber o divino em tudo e em todos é o grande desafio de todos vós.

 

Nada e nem ninguém é bom ou ruim em essência.

 

Todos são filhos do mesmo Pai, todos são irmãos que buscam a verdade, e na verdade precisam reconhecer que o ódio, o rancor, a mágoa só servem para aumentar o fosso da separação que torna a todos vulneráveis as desavenças que geram desentendimentos, que fomentam as guerras, que exercitam a barbárie que levam a matança inútil de tantas formas de vida.

 

Sem amor a vida perde o sentido, a desolação invade corações, a tristeza alimenta a desesperança, e a solidão emerge triste e sombria, isolando os iguais, alimentando o pensamento que engrossa a separação e faz crescer o desentendimento.

 

A vida tem cobrado um preço alto para os Filhos da Terra que se recusam a compreender e perdoar.

O não perdão corrói as entranhas de vossos corpos, gerando doenças, revolta, dor e sofrimento, engrossando o véu da escuridão que torna impossível o manifestar do amor.

 

Só existe uma saída para o mergulho na energia amorosa que alimenta a vida, devolve o equilíbrio e faz renascer a esperança, e a saída passa necessariamente pela manifestação do perdão.

 

Perdoar, eis o sentimento que necessita brotar em todas as mentes e corações dos Filhos da Terra.

Perdoar a tudo e a todos para ver dissolver a espessa camada de escuridão que não vos permite enxergar a luz do sol que aquece e alimenta a vida.

 

Perdoar para resgatar a liberdade de seguir em frente com o coração leve e a mente limpa.

 

Perdoar para ser perdoado, perdoar para seguir em frente, reconhecendo em cada habitante da Terra o irmão que vos serve de espelho para que possais enxergar a verdade e buscar alimentá-la em vossas vidas, para que possais assumir vossa responsabilidade sobre todos os eventos que se apresentam na vossa longa caminhada.

 

Bem amados, que possais compreender que este é o momento de orar, perdoar e amar, momento que vos permite reencontrar o caminho de volta ao LAR.

 

Que vossas orações alimentem a energia da compreensão, para que o perdão se faça presente na vida de vossos irmãos, permitindo o desabrochar do amor incondicional em todos os recantos de vosso amado planeta.

 

Bem Amados, Eu vos deixo agora, derramando sobre todos vós as minhas bênçãos e envolvendo a todos no meu manto de proteção, porque Eu Sou Maria, Vossa Mãe.

 

http://br.groups.yahoo.com/group/maemaria

http://mae-maria.blogspot.com.br/2016/08/mensagem-de-mae-maria-01-08-2016.html