Saint Germain
Canalizado por Adriano Pereira
01/12/2016

Os seres humanos sobre a Terra, são como jovens aprendizes, precisam testar sua persistência e resolução de seguir adiante no aprendizado, lição após lição, progredindo a cada passo, para que ao longo da jornada, possa com o acúmulo do aprendizado exercitar em plenitude sua Maestria Divina.


Entretanto, enquanto seguem com aprendizes em evolução, sua fé é testada a todos os momentos, submetendo-o a provas onde precisa fazer escolhas, e a primeira escolha sempre é aquela que vos parece ser mais razoável, de acordo com seus valores e princípios.

A segunda escolha, que quase nunca é considerada, é a escolha da fé, de saber que antes de fazer qualquer escolha, é preciso visitar o silêncio da meditação, para através da introspecção permitir que sua alma, seu Eu Superior, possa surgir e inspirá-lo na escolha que será a maior e melhor para você.

Sempre há dois caminhos.
O caminho da razão e o caminho do coração.

O caminho da razão, é o caminho que você tem percorrido desde que nasceu nesta vida, assim como foi também nas vidas anteriores. E parece-vos que trabalhou muito, e pouco avançou. És feliz? Seria a pergunta a se fazer? Pense sinceramente sobre isso?

O caminho do coração, é o caminho original, o primeiro caminho, o caminho divino, que sempre foi e sempre será, o caminho mais curto para a felicidade.

Vosso mundo, hoje, encontra-se dividido e confuso, pois todos tem a sua razão, e no conjunto das razões, no consciente coletivo, há uma grande confusão, que muitos chamam hoje de caos.

A razão é uma ferramenta criada pelo ser humano enquanto encarnado para tentar dar sentido as coisas de seu mundo, um mundo ilusório.

Já o coração, sua chama divina e eterna, aproxima-o da humildade que o Mestre Jesus sempre falou quando esteve entre vocês.

Ao sentar-se e meditar, e adentrar em um terreno desconhecido, há o silêncio, um brutal silêncio, quebrado por milhares de pensamentos confusos que fluem velozmente de sua mente consciente, dificultando sua concentração, mas permita-os fluir, quantas vezes for necessário, pois eles são como lixo emocional acumulado que precisa se mostrar para se dissolver.

Junto com o silêncio, vem a escuridão, não a escuridão das trevas, mas a falta de luz.

Assim, ao adentrar rumo ao caminho desconhecido de seu coração, você encontra o silêncio e a falta de luz, seguidos por velozes pensamentos que circulam sem cessar.

E você insiste em adentrar neste mundo desconhecido, neste “seu” mundo, que “É UM” com o Universo, com O Todo O Que É. E quando mais você se aprofunda, mais longos são os períodos de silêncio e tranquilidade, até que você encontre a calma abençoada que o aprendiz encontra ao completar seu primeiro exercício, de meditar, relaxar, e deixar-se fluir para dentro de si mesmo.

O ser humano que pratica a meditação, mostra ao Universo toda a sua humildade, de reconhecer que É UM com o Universo, de permitir-se humildemente misturar as suas energias com as energias amorosas da Mãe Terra e do Universo e do consciente coletivo.

A paz e harmonia que o aprendiz encontra dentro de seu próprio coração expande-se exponencialmente ao redor, criando ondas de paz e harmonia que se propagam não só ao seu redor, mas por seu planeta e por todo o Universo sem fim.

Todos Somos Um.

O aprendiz ao humildemente se sentar com a intenção de meditar, sabe que o terreno desconhecido está sendo aos poucos descortinado, e passa a ter maior compreensão das coisas de sua vida e de seu mundo. E isto, é o resultado do estreitamento da sua conexão do espírito encarnado no corpo humano com O UM Universal, o qual todos somos parte divina.

E ao praticar a meditação como uma ferramenta diária, aplicada sempre que precisa fazer uma escolha, o uniforme surrado do aprendiz começa a se dissolver, dando lugar ao belo manto sagrado do Mestre, que você é e sempre foi. É a alquimia Divina se revelando em todo seu esplendor.

A meditação não precisa ser longa, basta ser sincera, basta ter a intenção de permitir que seu coração dirija o seu caminho, para que suas escolhas sejam sempre as melhores e de maior bem para todos.

Esse é o caminho.

Muitas são as lições, muitas são as técnicas para se elevar, todas são oportunas e propícias, mas um único fator une todo o conhecimento e sabedoria: O Amor é Tudo.

Buscar seu coração, é um salto de fé rumo a Deus.

Feche seus olhos!
Respire fundo!
….

Há um mundo maravilhoso a sua espera……

Eu Sou Saint Germain

Por favor, respeite os créditos ao compartilhar
sandramluz2011@gmail.com
http://sandramluz2010.blogspot.com.br
Fonte – DE CORAÇÃO A CORAÇÃO – http://www.decoracaoacoracao.blog.br
Origem – http://mestresascensionados.blogspot.com.br/

http://sandramluz2010.blogspot.com.br/2016/12/saint-germain-sempre-ha-dois-caminhos.html

Anúncios