A qualidade da humildade é necessária para a mestria e permite que a natureza humana ascenda em sua divindade. É por ser humilde que vocês permitem que a voz da alma oriente a jornada da sua vida e possibilite a conexão com a Fonte, o que é necessário para se ir além da terceira dimensão. Todavia, este é um princípio tão mal compreendido, que vocês sentem que se forem humildes devem então reconhecer a sua imperfeição e desmerecimento, negar o seu poder e esperar orientação em vez de avançar por meio da intenção. O ego limita a expressão da humildade, que ele percebe como sendo o passo final para a sua destruição. Para o ego, ser humilde é negar o seu poder.

A humildade que é centrada no ego torna-se humilhação, onde o ego é limitado ou eliminado. O ego é um componente necessário da sua totalidade em corpo, mente, emoções e espírito. Não é possível limitar um dos seus aspectos e permanecer ainda completo. O ego precisa participar na jornada de sua vida, mas em equilíbrio com o espírito e não à frente ou atrás dele. Se não se der voz ao ego, ele vai desafiar a humildade e se tornará arrogante. É possível ser humilde e poderoso ao mesmo tempo, quando a humildade emana da consciência da alma do divino interno.

Quando o ego está em sua energia de arrogância, ele busca dominar e controlar. Nesse aspecto, ele age a partir do poder em vez de estar em seu poder. Assume o controle e torna-se exigente, em vez de estar no fluxo e comandar dentro dos limites da intenção que é equilibrada com o espírito. A definição de humildade para o ego é ser humilhado, abatido, separado, limitado e degradado. É o medo do ego de estar separado da sua identidade que deixa que ele insista em ser a voz de liderança e a presença em sua realidade. E, à medida que reconhecem e aceitam o seu poder, vocês dão ao ego uma voz igual na jornada de desenvolvimento da sua vida, que é equilibrada com o espírito e está plenamente em parceria com o ego divino/espírito. Então, a humildade pode ser aplicada e o ego compreende que, ao ser humilde, ele se rende ao espírito.

Os humildes são os mais poderosos em seu meio. Eles não temem perder o poder, não são arrogantes ou controladores, não precisam dominar, porque o seu ego está equilibrado com o espírito. O mestre aceita a humildade dentro do contexto de receber orientação do espírito, buscar iluminação e render a vontade humana à Vontade divina. Ser humilde afirma o seu poder e transforma o seu caminho à medida que vocês acolhem o potencial ilimitado dos seus aspectos mais elevados. Quando vocês sabem que o seu poder maior emana da humildade, de ser humilde e de render-se à Vontade divina, o seu caminho de vida se revela para expressar ideias e potenciais que o ego não pode sequer imaginar. Sejam humildes, rendam-se à Vontade divina, permitam que o ego encontre a paz em espírito e a sua humildade os ajudará a criar uma realidade poderosa, bênçãos abundantes, amor e alegria que são a dádiva da sua alma.

—-…..—==II==—-…..—-
Tradução de Ivete Brito –  adavai@me.com/  – www.adavai.wordpress.com
Site original: www.enlighteninglife.com

http://www.luzdegaia.net/uriel/jennifer/ser_humilde.html

Anúncios